Se você não sabe bem como elaborar uma ação de cobrança e não quer perder o cliente, veio ao conteúdo certo. Explicamos o que é, como fazer e damos formas de atuar em áreas diversas da sua sem precisar comprometer sua rotina através de parcerias jurídicas. Continue lendo para entender melhor.


A ação de cobrança é o instrumento processual utilizado pelo credor que visa o recebimento de valores em mora por parte do devedor. Não sendo possível a solução extrajudicial entre as partes, os credores naturalmente precisarão recorrer ao Judiciário, necessitando, obrigatoriamente, da presença de um advogado.

Pode até ser que seu escritório não atue na área cível, mas imagine que um cliente de longa data lhe procure com um problema que exija o ajuizamento de uma ação de cobrança: você passaria o caso por não saber, ou preferiria atender o cliente e garantir sua permanência?

Esse artigo foi feito para você que está em busca de dicas práticas para a elaboração de uma ação de cobrança. Além disso, mostraremos uma alternativa excelente para que você possa atender seu cliente, ajuizar a ação e acompanhá-la sem precisar gastar muito de seu próprio tempo. Continue conosco!

O que é a ação de cobrança?

ação de cobrança

A ação de cobrança visa cobrar uma dívida vencida por parte do devedor. É um procedimento comum, com possibilidade de produzir provas, do contraditório e da ampla defesa.

Na prática, esse tipo de ação é a última opção por ser mais abrangente e mais longa. Em geral, é utilizada quando existem poucas provas documentais do débito, ou nos casos em que as outras opções mais ágeis, como ação de execução ou monitória, estão impedidas.

O que se deve saber para elaborar uma ação de cobrança

Por ser uma ação de conhecimento, a ação de cobrança segue todas as fases de um procedimento comum: é necessário realizar audiência inicial de conciliação e demais audiências instrutórias, observar devidamente o contraditório e a ampla defesa, e atender a todas as fases processuais.

Importante observar que a ação de cobrança permite uma maior liberdade na apresentação de provas em comparação com outras ações que visam reaver um crédito vencido. O conjunto probatório deve ser suficiente para demonstrar a existência da dívida, não havendo requisitos específicos quanto a ele.

Qual a diferença entre ação de cobrança, monitória e execução?

ação de cobrança

Alguns tipos de ações também objetivam receber uma determinada quantia ou coisa certa. É o caso da ação monitória e da ação de execução por título extrajudicial.

Porém, elas se diferem quanto à análise do risco e o resultado final do processo, além do procedimento específico a ser seguido em cada caso. Você deve, assim, avaliar os benefícios e riscos de cada tipo de ação considerando o caso concreto de seu cliente.

Dessa forma, é fundamental conhecer bem cada uma das ações para que sua escolha seja baseada em informações seguras, garantindo um bom atendimento às necessidades de seu cliente.

Mas como fazer isso se você sequer atua na área, e não quer perder o cliente? A solução, claramente, não é algo tão simples quanto buscar modelos de petições prontas na internet: afinal, você precisa saber qual ação utilizar primeiro. Sugerimos, assim, algo inovador: parcerias jurídicas.

Como parcerias jurídicas podem ajudar a elaborar uma ação de cobrança?

ação de cobrança

Através de uma boa parceria jurídica, você pode ampliar as áreas de atuação de seu escritório sem aumentar sua estrutura ou o tempo gasto com novas ações. Isso faz com que você possa investir mais tempo e energia na captação e encantamento de seus clientes enquanto fornece um serviço personalizado e de qualidade.

Você pode celebrar parcerias jurídicas com outros advogados por conta própria, ou contar com uma Lawtech como intermediária para garantir maior segurança e confiabilidade no processo. É isso que fazemos.

A Freelaw permite que você contrate advogados online sob demanda de qualquer área e para qualquer serviço jurídico em todo o país. Oferecemos a oportunidade de ampliar a oferta de áreas e atuação sem custos estruturais.

Além disso, é possível se conectar com profissionais com diferentes níveis de experiência, conforme a necessidade da demanda.

Achou interessante? Confira esse artigo sobre contratação de advogados sob demanda com a Freelaw para entender mais sobre como funcionamos e fazer parte dessa nova era no Direito.